Concursos Estilo Eventos

Resultado 2º Concurso de Cerveja Caseira

O 2º Concurso de Cerveja Caseira do Beco do Malte e Don Tonel foi um sucesso! E com prazer anunciamos os vencedores!

Na Categoria Specialty IPA o pódio ficou com:

1º Luiz Saddan com uma India Black Ale com Baunilha
2º Fernando Bueno com uma Session IPA
3º Artur Padua com uma NE IPA

Na Categoria American IPA o pódio é formado por:

1º Wellington Fabosa
2º Frederico Bonvino
3º Everton Luis Fetti

Gostaríamos de parabenizar a todos os participantes, tivemos boas surpresas e ver esse pessoal interessado em aprender mais e melhorar suas cervejas foi nosso objetivo!

Mas e como foi o julgamento? Vamos falar um pouco sobre o processo aqui.

O processo em si é bem simples.

Primeiro tínhamos uma banca composta por 6 juízes, sendo 1 Homebrewer, 2 sommeliers e 3 mestre em estilos.

A amostra então vinha sem identificação, para que fosse julgado apenas o que estava no copo, sem influência psicológica/afetiva. A avaliação era feita conforme súmula do BJCP (que pode ser encontrada aqui) e seguindo a descrição do BJCP 2015 (que pode ser acessado aqui) do que cada estilo deve ser.

Cada juiz então anotava em sua súmula o que notava na cerveja, avaliava aromas, aparência, sabores, sensações de corpo e dava uma breve descrição sobre a impressão geral da cerveja.

Ao fim de cada rodada os juízes conversavam entre si para determinar se todos tiveram mais ou menos as mesmas impressões da cerveja, caso alguma coisa destoasse muito do que a maioria percebeu, tentava-se descobrir o que ocorreu. Chegado a um consenso a nota final do avaliado é a média das notas individuais.

Em um concurso onde há estilos para serem seguidos o papel da qualidade da cerveja acaba tendo um papel um pouco mais secundário. Buscamos avaliar a cerveja dentro de certos parâmetros impostos pelo guia de estilos seguido. Isso quer dizer que pode ocorrer (e acontece com bastante frequência) que cervejas incríveis acabem não sendo bem ranqueadas por não estarem exatamente dentro de um estilo.

Por outro lado é sempre um desafio fazer uma cerveja e acertar tantos parâmetros que um estilo impõe. Mirar perfeitamente nesse estilo é desafiador e testa seu domínio do processo e entendimento na elaboração de receitas. Sendo assim, fazer exemplares clássicos de dado estão é um treino fundamental no crescimento como cervejeiro, e participar de concursos é uma forma de saber como você se saiu nesse desafio

Por estas razões parabenizamos e admiramos todos os cervejeiros que participaram desse concurso, é um grande desafio. Mas quem não conseguiu participar deste, não se preocupem, outros virão!

Obrigado a todos e boas brassagens!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *