Falando de cerveja

Mulher Pode Tomar Cerveja?

Neste dia tão importantes queremos homenagear a todas as mulheres. Tão importantes na história da cerveja, convidamos a Sommelière Carla Costa (@costabier) para escrever este texto. Parabéns a todas as mulheres e boa leitura!

Mulher pode tomar cerveja amarga? Mulher pode entender sobre cerveja?
E fazer cerveja, mulher também pode?

As perguntas parecem idiotas, né!?
O pior é que mesmo em pleno século XXI eu, e muitas colegas de profissão já perdemos as contas de quantas vezes tivemos que ceder um pouquinho do nosso tempo para debater assuntos como esses com algum homem babacão. É desgastante, irrita, às vezes gera até uma tristeza no coração da gente, mas nós sempre continuamos ali, firmes e fortes para bater de frente com qualquer espertalhão que ouse a nos desafiar. Mas sabe o que é mais bacana e o que mais nos dá força e coragem para continuar? É poder olhar para o lado e ver que não estamos só. Sinto uma felicidade e um orgulho enorme de poder ter na minha cidade grandes colegas de profissão como @lilianecampreguer_sommeliere , a @aleacsoares , @oliveiradhay e a @lyaassuncao que estão à frente do cenário cervejeiro de Rio Preto lutando e se destacando para deixar o nosso meio com ainda mais com representatividade feminina. Tem também aquelas grandes mulheres que são a minha inspiração no cenário cervejeiro nacional como a @carolinaoda que roda o Brasil inteiro semeando o seu conhecimento e ajudando a espalhar pelo país a certeza de que mulher entende e pode sim trabalhar com cerveja, tem a @luizatolosa , fundadora e responsável por gerir a @cervejariadadiva uma das cervejarias que vem se destacando no país e que tem o comprometimento de distribuir cerveja com qualidade para os quatro cantos de Brasil e até pelo mundo, tem também a @japascervejaria , uma cervejaria fundada por 3 MULHERES e que representam a importância e a capacidade da mulher de atuar diretamente na produção criando receitas para surpreender e agradar as pessoas independente de sexo.
E cerveja é isso, não queremos discutir com ninguém, não queremos competir com ninguém. Só queremos que respeitem o nosso espaço e ou que pelo menos não nos venha encher a paciência com mimimi machista.
Nos deixem beber o que quisermos beber, deixa a gente explicar para quem quiser aprender, deixem a gente produzir para quem quiser tomar. Só queremos ter assegurados os nossos direitos e o nosso respeito. O mundo é machista demais e nós só queremos continuar desenvolvendo o nosso trabalho com qualidade e ter por perto da gente mulheres que nos inspiram e bons homens que nos apoiam.

O dia é nosso, a luta é nossa, e eu espero que um dia essa data possa alcançar a importância a qual estamos buscando há anos…

Obrigada a todas as colegas de profissão por serem a minha inspiração e obrigada a todos os homens que me incentiva e que me apoia nessa longa estrada dos direitos iguais! ❤🍻

#DiaInternacionalDaMulher #8DeMarço

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *